Blog

O MESMO LUBRIFICANTE VAI EM CARROS E MOTOS

Ao passo que nos carros há um lubrificante específico para o motor e outro para a caixa de transmissão, na maioria das motocicletas com motores 4 tempos, o mesmo óleo lubrifica cilindros, pistões, caixa de marchas e embreagem. Essa particularidade técnica deixa claro que não é recomendável utilizar óleos para automóveis em motocicletas e vice-versa. […]


Leia mais

MINERAL OU SINTÉTICO

O óleo lubrificante mineral é produzido por meio de uma combinação de aditivos e óleos básicos obtidos pelo refino do petróleo. Eles não são tão desenvolvidos quantos os sintéticos e semissintéticos, mas ainda são comuns e tradicionais no mercado. Suas principais características são o menor preço e, em contrapartida, uma menor durabilidade, necessitando de trocas […]


Leia mais

O QUE SIGNIFICAM OS NÚMEROS

Os números que aparecem nas embalagens dos óleos lubrificantes correspondem à classificação da SAE (Society of Automotive Engineers), que se baseia na fluidez e estabilidade térmica a baixas e altas temperaturas. Os óleos lubrificantes são divididos em dois grupos: monoviscosos (por exemplo, SAE 30 ou SAE 10W) e multiviscosos (por exemplo, SAE 10W30). Os multiviscosos […]


Leia mais

SISTEMA DE ARREFECIMENTO

O sistema de arrefecimento é responsável por manter o carro a uma temperatura ideal de funcionamento, representando 70% da capacidade de refrigeração do motor, ficando os 30% restantes por conta do óleo lubrificante. Nos automóveis mais antigos, preocupava-se apenas com a dissipação do calor gerado pelo motor. Nos atuais, porém, devido ao gerenciamento eletrônico do […]


Leia mais

PORQUE TROCAR O ÓLEO DO MOTOR

com o tempo, os aditivos originais da formulação vão se esgotando e o lubrificante começa a se degradar. Além disso, ocorre uma contaminação devido à queima do combustível e do óleo lubrificante. Tudo isso faz com que a eficácia da lubrificação do óleo diminua à medida que a quilometragem aumenta e, ao rodar com o […]


Leia mais